fbpx

Rito a Shiva – A Dança da Transformação

Rito a Shiva – A Dança da Transformação

dezembro 14, 2019 0
Sentimos muito, mas todos os bilhetes tiveram suas vendas finalizadas porque o evento já ocorreu.
  • dezembro 22, 2019
    9:00 am - 6:00 pm
Shiva – A Dança da Transformação: Rito com consagração de medicinas sagradas (Ayahuasca, Rapé e Sananga)
Facilitador: Rodrigo Zeus
Realização e Organização do Evento: Força Sagrada
Local do Evento: Instituto Espiritual Segredo Encantado
Rua Corredeira 205, Bosque da Saúde – São Paulo – SP
 
Salve Amigos!
Agradecendo a grande mãe e ao pai e a todo poder e força natural. Celebraremos ao Senhor Shiva como o grande mestre, protetor e senhor da dança.
Celebrando o Verão. Esse é um rito celebrativo, com energia de alegria, de conexão, a intenção é deixar o que tem que ir e se abrir para o novo de uma forma purificadora e transformadora.
Que Shiva nos purifique e proteja, que possa nos conduzir ao bom pensamento justo, que nos traga coragem, determinação e foco.
 
Na Índia a dança está associada a vida; a criação e a destruição são uma dinâmica universal, simbolizada por Shiva Nataraja, dentro de um círculo de fogo; nele o universo se interage e se cria, dando vida e movimento a tudo que existe, atingindo a verdade através de sua dança
 
Shiva manifesta o poder de destruição ou transformação. A palavra destruição aqui pode ser mal interpretada. Devemos entender que somente será destruído aquilo que for possível de ser destruído. O Eu, ser absoluto é sempre existente, este não é destruído por nada. A destruição de Shiva é a destruição daquilo que é aparente e que encobre a realidade absoluta, é a destruição da nossa ignorância. Shiva é o Deus da disciplina, assim ele vem mostrar de que forma podemos destruir a ignorância e atingir Moksha, a liberação do ciclo de nascimento e morte.
Shiva é representado meditando nas neves do monte Kailasa. A brancura da neve representa a mente sattvica ou purificada necessária para meditar; seus olhos estão entreabertos mostrando que sua mente está absorta no ser enquanto seu corpo se relaciona com o mundo; em seu pescoço ele carrega uma cobra enrolada, esta representa o ego (é venenoso quando ataca) sob controle usado como adorno somente; em sua cabeça a lua Lua que representa o incosciente e sua relação com os ciclos de renascimento, a memória e o ego; sua arma é o trishula ou tridente simbolizando não só a destruição do ego como o centramento e o poder de ação que possuímos e seus três tipos de desejos: fisicos, emocionais e mentais, mas também a transcendência dos três mundos, dos três gunas (sattva, rajas e tamas) e dos três períodos de tempo (passado, presente e futuro). Pendurado no trishula está o tambor de Shiva ou Damaru que representa o som, o fenômeno da criação que fazem parte da manutenção e a destruição. No movimento do trishula, ou das gunas, o tambor toca e a criação ocorre. O cabelo comprido mostra seu poder, todos os tipos de energia concentrados na busca do conhecimento. Do topo de sua cabeça nasce o ganges (conhecimento, amrita); seu corpo está coberto de cinzas simbolizando a queima da ignorância, da ilusão e de todos os desejos; ele está sentado sobre uma pele de tigre, que morreu de morte natural, porque o sábio senta-se no corpo (não está identificado com ele) enquanto os mortais sentam-se no chão. O seu veículo é o Touro Nandi, simbolo da sexualidade, o controle de Shiva sobre o touro simboliza o domínio sobre a natureza física. O linga/ lingam é um outro símbolo de Shiva e representa a força criadora voltada para si mesmo, voltada para o auto conhecimento. Shiva tem junto de si o Kamandalu, ou pote para água, representando a renuncia, o ascetismo, o viver com o mínimo necessário;
Shiva possui vários mãlas (colares e pulseiras) de rudrãkshas (representa o olhos de shiva) que servem para disciplinar a mente e preparar para a meditação.
 
Elevaremos essas intenções nessa Roda de Cura para que possamos nos alinhar com a Natureza.
 
Somos gratos!
Salve Shiva!
Om Namah Shivaya!
 
—————————————————————
O segredo é se entregar para melhor compreender.
Vamos juntos buscar as curas da Alma, buscar a misericórdia divina que traz o verdadeiro perdão e amparo ao espírito. Buscar curar com amor, se equilibrar no rezo, no canto, na dança e junto aos Elementos firmar a corrente com boas intenções para uma boa colheita. Vir para trabalhar a reforma íntima, a evolução do seu ser, compreender-se. Venham com o coração aberto para se conectar com as medicinas, mas também para conhecer um Templo só seu, experienciar sua energia, se conhecer e abraçar o ser Divino que você é. As Medicinas nos auxiliam a melhor lidarmos com nossos processos, mas parte de nós estar aberto para essa cura. Reconectar-se com a paz, e espontaneamente todos os processos encontram equilíbrio. É preciso comprometer-se com a melhoria. Guiar-se também pela própria consciência, no fundo, todos sabemos o que é certo e o que é errado. Quando é hora de ceder, de perdoar, de compreender e amar ao próximo, tenha esses momentos de reflexão nos dias anteriores ao rito para que seu rito seja mais maduro e com mais aprendizados traga a medicina os resultados do que já está fazendo no dia a dia, juntos as curas que sentirá com o tempo que é hora de realizar na sua vida. A Rainha da floresta nos ensina a buscar a simplicidade da Natureza e de nossa Natureza interior, em cada ritual, juntas, nossas naturezas interiores elevam-se em conectam-se na Roda de Cura a Mãe e ao Pai de todas a Vida. Os Espíritos vegetais das medicinas e os guardiões que lhe trazem o ensinamento, não doutrinamos ninguém, somos terapeutas holísticos também e acreditamos que o equilíbrio é o melhor caminho. Manifestações de devoção são sempre bem-vindas, trabalhamos de forma Universalista, acreditando que abraçar e despertar a consciência na Luz Divina Daquele que está na escuridão é mais importante do que limitar-se.
 
Em nossos ritos, desde a defumação ao óleo que ungimos as velas, os incensos, tudo é rezado e feito com Ervas, e com técnicas de terapias. Todos os processos em que necessitam de auxílio atuamos com elementos naturais de cura, desde o cravo e canela na porta, a cama de ervas durante o rito, até o perfume de rosas em um momento de conexão, tudo é idealizado para que os Poderes Divinos que juntos firmamos manifeste um ponto de luz e amparo que esteja nessa vibração.
Nasce uma harmonia brotando da amplidão!
Se sentiu o chamado, vamos despertar juntos?
 
Quando?
Domingo 22/12 – 10h – 20h
Horários de entrada nos rituais:
Abertura do portão, 10h00
Fechamento do portão às 11h00
 
Contribuição:
— 1.ª Vez em um rito nosso e/ou na casa e/, ou com medicinas sejam bem vindos!
A contribuição do rito é individual: R$ 60,00
 
Essa contribuição nos auxilia a manter esse trabalho, se não conhece, por amor, não julgue.
Trazer trocado, se possível. No Instituto Espiritual trabalhamos recebendo contribuições somente em dinheiro, pois Não utilizamos cartão para trabalhos com medicina.
ATENÇÃO. Pedimos que se inscreva apenas se tiver certeza que irá participar do evento para não tirar a vaga de outro irmão.
 
REGRAS:
— O trabalho é estritamente Religioso portanto:
— Roupas respeitosas
— Obrigatório preenchimento e assinatura no registro e ficha de anamnese antes do rito.
— Crianças ou Menores de idade comparecem somente com responsável legal.
— Não se deve ingerir carne vermelha, bebidas alcoólicas, qualquer substância nociva e prejudicial à saúde e deve-se evitar relação sexual antes do ritual para que esteja com suas energias centradas, de preferência 2 dias antes.
— Se faz uso de remédios deve ser comunicado junto a autorização médica antes do rito.
— Se não tem autorização médica, favor solicitar ao próprio, já que não o somos, sem exceções.
 
Não é permitido:
— Conversas paralelas.
— Consumo de qualquer tipo que não tenha sido entregue por um responsável pelo rito.
— Uso de aparelhos Eletrônicos, celulares, etc. (Se não consegue ficar longe de seu celular você já sabe qual o problema.)
— Desde a abertura da Roda de Cura é obrigatório a permanência até o seu encerramento em respeito a Espiritualidade e ao Trabalho.
— Agressividade, excessos, vícios e violência são aspectos da mente humana não sendo tolerados dentro desse ambiente. Orientamos o caminho da Medicina que é o do amor, da ordem e da Verdade.
— Aqui somos todos iguais, deixe seus títulos e grandes poderes em casa. Juntos oramos, cantamos, bailamos, limpamos, agradecemos, celebramos e encerramos, juntos. Todos trabalham pela roda toda. Sem desculpas e culpas, sem julgamentos, com bom senso e auto-responsabilidade.
 
TRAZER PARA O RITUAL:
> RG ou CNH, mesmo que não seja a sua 1ª vez na casa.
> Itens pessoais: Cobertor, agasalho, um par de chinelo/sandália ou crocs e caso queira trazer garrafa de água e caderno, seus instrumentos de poder, maracás, cachimbo, kuripe, rapés, tabaco são bem vindos. Dispomos de colchonetes e/ou cadeiras e almofadas.
> Traga frutas, sucos, alimentos leves e vegetarianos para compartilharmos ao término do ritual. Se você come, traga.
>Alegria, Amor e Paz.
 
Como chegar?
A pé do Metrô Santos Imigrantes: 13 min (1 km)
A pé do Metrô Santa Cruz: 16 min (1,3 km)
De transporte público:
Estamos próximos da Av. Ricardo Jaffet e da Rua Loefgreen, portanto qualquer ônibus que passe em ambas você pode pegar.
 
Metrô Santos Imigrantes – Linha 2 Verde
Desça no Metrô Alto do Ipiranga e na saída da Rua Gentil de Moura pegue o ônibus 5103-10 Moema, desça na (R). Loefgreen, 140.
Metrô Santa Cruz – Linha 1 Azul
Desça no Metrô Santa Cruz caminhe até a
R. Sta. Cruz n.º96 e pegue o ônibus 5103-10 Moema, explique que quer descer no ponto da Rua Corredeira. Em caso de dúvidas entrar em contato inbox na página Força Sagrada.
SOBRE NÓS:
fb.com/pg/ForcaSagrada/about/
luzdesitara.com.br

Local:  

Site do Local do Evento:

Endereço:
Rua corredeira, 205, jd da Saúde, São Paulo, 04127-140

error: Content is protected !!